Pinoli: uma especiaria para a saúde

Nutricionista Cássia GivegierPor:
Categoria : Dicas da Nutricionista | 06/09/2016 | Seja o 1º a comentar!


Lembrando amêndoa, a especiaria pinoli é de tamanho bem reduzido e de coloração bege. Em muitas regiões, sua extração continua sendo manual, é necessário retirar a pinha, abrir sua casca dura, atingir a semente, descascá-la aí fica própria para o consumo.

É uma iguaria de origem mediterrânea, muito apreciada ao redor do mundo, principalmente pelos turcos, indianos, sírios, libaneses e italianos.

Pensando em nutrientes podemos destacar os principais:

  • Gordura monoinsaturada: considerada uma gordura de boa qualidade para o organismo humano.
  • Vitamina E: um dos antioxidantes mais importantes dos alimentos e desempenha, além de integridade da pele, paredes celulares contra a oxidação e o envelhecimento.
  • Zinco: participa em processos de cicatrização e ajuda a formar a estrutura das proteínas e das membranas celulares.
  • Potássio: funciona como um eletrólito para a transmissão nervosa, contração muscular e equilíbrio de fluidos corporais.
  • Magnésio: participa da contração e relaxamento muscular, produção e transporte de energia e produz relaxamento dos músculos esqueléticos.

O pinoli pode ser usado em pratos doces, salgados, bolos ou risoto.

Consulte um nutricionista e inclua em suas refeições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *