Dolomita: A Joia que mais Combina com a nossa Saúde

Por:
Categoria : Saúde | 04/09/2012 | 25 comentários

Print Friendly, PDF & Email
Dolomita: A Jóia que mais Combina com a nossa Saúde

Um mineral rico em magnésio e cálcio, de coloração branca com um brilho vítreo maravilhoso: a dolomita vem sendo cada vez mais combinada com metais preciosos em joias.

Mas na verdade a melhor combinação que a dolomita faz é com a nossa saúde.

Ela pode nos trazer inúmeros benefícios. É rica em minerais que não são muito encontrados na nossa alimentação rotineira, mas que são essenciais para a nossa saúde como o Cálcio e o Magnésio.

Conheça alguns dos benefícios:

USO EXTERNO:

  • Tratamentos estéticos para a pele, cabelo, estrias e celulite.
  • Psoríase.
  • Anti-inflamatório (para espinhas e lesões por queimadura ou cortes).
  • Analgesia.
  • Ação cicatrizante.
  • Ação anti-hemorrágica.

USO INTERNO: por ser rica em cálcio e magnésio traz todos os benefícios desses minerais para o nosso organismo.

Cálcio: formação dos ossos e dentes; coagulação do sangue, ativa enzimas muito importantes, contractilidade da musculatura, funcionamento do miocárdio (coração) e sensibilidade neuromuscular. É recomendada a ingestão de 1.000mg (19-50 anos) desse mineral no dia.

Magnésio: transmissão de impulso nervoso, atividade neuromuscular, auxilia na absorção de proteínas e também auxilia na formação dos ossos. É recomendada a ingestão de 310 mg para mulheres e 400mg para os homens ao dia.

Dessa forma a ingestão da dolomita pode:

  • Prevenir e combater a osteoporose ou perda de massa óssea por outras razões.
  • Melhorar o desempenho muscular e auxiliar na diminuição de espasmos involuntários e câimbras.
  • Melhorar a condução de sinais nervosos, evitando perda de memória e melhorando a agilidade mental.
  • Evitar hemorragias.
  • Melhorar o desempenho cardiovascular.
  • Melhorar a saúde dos dentes.

Popularmente a dolomita também pode auxiliar no tratamento de gastrites por se tratar de um elemento alcalino que pode neutralizar a acidez excessiva do estomago e melhorar os casos de úlceras uma vez que pode exercer ação cicatrizante.

Dosar 1 colher de café rasa (2g) e tomar misturado em meio copo de água. Uma vez ao dia, antes da principal refeição.

DICA: sempre adquira suplementos nutricionais de marcas que possuam registro e selos de garantia de qualidade. Caso seja em pó, dilua sempre em água pura mineral.

SEMPRE consulte um médico ou nutricionista para checar se você realmente precisa suplementar algum nutriente que esteja em falta na sua alimentação e as quantidades adequadas que você deverá ingerir.

Viu só como a dolomita combina com a nossa saúde?! Aproveite e adquira essa joia rara em uma das lojas Relva Verde Produtos Naturais em Londrina e também na nossa loja virtual, disponível em pó ou em cápsulas.

Referências:
CORDEIRO, A. P. B.; MOREIRA, L. M. A. Proliferação celular e quebras cromossômicas em células submetidas à ação da dolomita brasileira (Gran-White) in vitro. R. Ci. Méd. Biol., v. 3, n. 2, p. 181-187, 2004.
GROPPER, S. S.; SMITH J. L.; GROFF, J. Nutrição avançada e metabolismo humano. 5 ed. São Paulo: Cengage Learning, 2011.
SGARBIERI, V. C. Alimentação e nutrição: fator de saúde e desenvolvimento. São Paulo Almed, 1987.

Leia Também

Normas da ANVISA para alimentos alergênicos – III Nas semanas anteriores vimos as diferenças entre alergia e intolerância, em que a legislação é feita apenas para proteger as pessoas que apresentam essas doenças. Uma das doenças mais graves de alergia é chamada de doença celíaca, que pode ...
Normas da ANVISA para alimentos alergênicos – II No artigo anterior falamos um pouco sobre alergias e intolerâncias e começamos a falar das dietas sem glúten. Essa semana vamos nos aprofundar no assunto para você ficar craque e sair ajudando outras pessoas a entender sobre uma das legisla...
Normas da ANVISA para alimentos alergênicos – I Essa semana vamos falar de um assunto que está gerando muita polêmica: normas da ANVISA que influenciam diretamente na sua percepção do produto que está adquirindo. Uma delas é em relação ao conteúdo de glúten nos alimentos, mas antes vamo...
Gostou? Então compartilhe este artigo!

Comentário (25)

  1. postado por Zildo Aparecido dos Santos em 05/03/2015

    Solicito informações detalhadas para o uso interno da dolomita para problemas gastrointestinais, úlcera, infecções estomacais ou intestinais; e stress, perda de memória, défict de atenção e esgotamento físico e mental. 

    Zildo Aparecido

    • postado por Relva Verde Produtos Naturais em 20/03/2015

      Olá Zildo, obrigado pelo seu contato!

      Ao analisarmos sua dúvida, vimos que realmente o nosso artigo deveria conter mais informações sobre a dolomita, dessa forma fizemos algumas alterações, dê uma olhada.
      Os efeitos para o tratamento de gastrites e úlceras podem ser relacionadas com a dolomita ser alcalina, podendo neutralizar os ácidos excessivos do estômago e no caso da úlcera pode ser relacionada com ação cicatrizante e de coagulação do sangue. Tanto o cálcio quanto o magnésio presentes na dolomita são responsáveis por melhorar a condução nervosa que também pode exercer ação no estresse, perda de memória e melhor desempenho mental. 
      Já o desempenho físico pode estar relacionado com a ação desses minerais com a melhora da musculatura e o melhor envio de comandos neurais para eles.
      Quanto a ingestão recomenda-se consultar um médico e a realização de exames para checar os níveis desses minerais, uma vez que tomar em excesso pode ser prejudicial. As indicações de ingestão recomendadas desses minerais são 1.000mg de cálcio e 400mg de magnésio por dia. 
      Esperamos que sua dúvida tenha sido respondida, estamos à disposição!

       

  2. postado por jaine nonenmacher em 26/03/2015

    tenho uma duvida a dolomita comprada por quilo essa de saquinho pode ser ingerida?

  3. postado por marlene raiol em 15/04/2015

     Vou consultar meu médico para saber como usar em meu caso,pois estou em tratamento de saúde.No entanto gostaria de dizer que já fiz uso de dolamita em um Centro de tratamento em São Paulo,digo:é realmente um mineral poderoso e tenho certeza que meu médico irá me recomendar o uso de dolamita.Entrarei em contato assim que tiver o resultado de meus exames. Desejo esclarecer  que esta é minha primeira declaração sobre o assunto,garantindo que essa é também a primeira vez que abro esse  pagina.

                    

  4. postado por Ines em 05/05/2015

    Bom dia! 

    Tenho visto em outros sites o uso da pedra Dolomita na agua para consumo. Gostaria de saber se posso usar a pedra (esfera) no bebedouro? Fico aguardando resposta, obrigada!

    • postado por Relva Verde Produtos Naturais em 05/05/2015

      Bom dia Ines,

      Trabalhamos apenas com a dolomita em pó ou em cápsulas, por isso não temos esta informação sobre a pedra para ser colocada no bebedouro. A ingestão diária recomendada do pó é de apenas 1 colher de café rasa em meio copo de água. 

      Estamos à disposição! 😉

  5. postado por Katia Blanco em 23/11/2015

    Já usei dolomita e estou precisando de mais, mas estou com receio pois nao sei como poderia verificar se e uma dolomita real ou se um po branco misturado vendido como dolomita.

    Como saber?

  6. postado por Erika em 13/12/2015

    Por favor, uma informação: a dolomita ajuda no alívio do esporão calcanêo e na hérnia de disco? 

    Chá ajuda ? qual a receita, combinação ?

    Obrigada

  7. postado por Lauro Alves de borba em 01/02/2016

    Ola,  sinto cansaço, fadica uma sensação de dor nas articulações, dai gostaria de saber se com a dolamita isso melhora.

    Obrigado!!

    Lauri

  8. postado por Ana Santana em 09/04/2016

    Boa noite! Tenho 51 anos…Passei por uma desintometria óssea e foi diagnosticada osteoporose no femur e osteopenia na coluna. Se  eu tomar  dolomita, a osteoporose estacionna ou diminui?

    • postado por Relva Verde Produtos Naturais em 11/04/2016

      Olá Ana,

      Por ser rica em cálcio e magnésio, a dolomita poderá ajudar, mas aconselhamos sempre a consulta com seu médico.

      Estamos à disposição 😉

  9. postado por Simone em 17/07/2016

    Estou tomando cloreto de magnésio p.a . Gostaria de saber se posso tomar dolomita tbm?

     

    • postado por Relva Verde Produtos Naturais em 25/07/2016

      Olá Simone,

      Não há contraindicação, pode tomar os dois.  

      Pessoas com quantidades normais de magnésio no organismo normalmente não devem fazer ingestão exagerada. Consulte sempre seu médico/nutricionista inclusive para saber a dosagem correta para você.

      Estamos à disposição 😉

  10. postado por Eduardo em 21/10/2016

    Pergunta: a Dolomita (pedra branca polida) pode ser aquecida a mais de 250°C e inalada? Se sim, quais os beleficios? Se não, o que pode acontecer se inalada? Grato.

    • postado por Relva Verde Produtos Naturais em 27/10/2016

      Olá Eduardo,

      Trabalhamos com a dolomita em pó e não vendemos para esta finalidade, o fornecedor também desconhece esta informação.

      Estamos à disposição 😉

  11. postado por odair em 03/12/2016

    Olá eu gostaria de saber se as pedras brancas de dolomita podem também ajudar na saúde aquelas brancas de jardim

    • postado por Relva Verde Produtos Naturais em 05/12/2016

      Olá Odair!

      Trabalhamos apenas com a dolomita em pó, desconhecemos os benefícios das pedras brancas de jardim.

      Consulte sempre o seu médico.

      Estamos à disposição 😉

  12. postado por JOAO HENRIQUE MARQUES COELHO em 02/08/2017

    Fiz a compra de dolomita neste exato momento, com a finalidade de ter uma melhora nas articulações dos joelhos , coluna, esofagite. Confere essas informações que tive ou não. Obrigado.

    • postado por Relva Verde Produtos Naturais em 02/08/2017

      Olá João Henrique,

      Por ser rica em cálcio e magnésio, a dolomita poderá ajudar. Muitas pessoas voltam a comprar pois relatam que as dores melhoraram com o uso da dolomita, mas aconselhamos sempre a consulta com seu médico.

      Estamos à disposição 😉

  13. postado por ozi antoio corrreia moraes em 12/09/2017

    Fv. me informar o preço da pedra dolomita como usar, o tipo bruta ou moída,grato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *