Mitos e Verdades sobre Emagrecimento #1

Por:
Categoria : Dietas, Saúde | 28/09/2011 | Seja o 1º a comentar!

Print Friendly, PDF & Email
Mitos e Verdades sobre emagrecimento #1

Não é nenhuma novidade que muitos estão sempre procurando por melhorias físicas e que essas melhorias geralmente estão relacionadas com o peso. Assim, surgem inúmeras dietas e formas de emagrecimento que prometem eficácia e rapidez.

Mas até que ponto essas dicas são reais e saudáveis?

Confira os mitos e as verdades sobre emagrecimento em uma série de artigos sobre o tema.

#1 – Dieta radical: parar de comer.

Mitos:

Parar de comer não emagrece: a velha ideia de que para emagrecer você precisa parar de comer é um mito.

Todo o alimento, quando digerido, é transformado em energia que abastece todo o nosso organismo, mesmo uma pessoa sedentária (que não pratica atividades físicas) gasta uma quantidade de calorias (energias) para pensar, andar e outras atividades comuns e rotineiras, até mesmo para comer você gasta calorias, por isso é extremamente importante manter uma ingestão CONTROLADA, caso contrário todas essas funções serão prejudicadas.

Com a parada repentina da ingestão de uma quantidade normal de alimentos, o corpo tem a reação de acumular ainda mais calorias como uma forma de defesa para prevenir que essa energia consumida dure por mais tempo possibilitando que o organismo trabalhe normalmente. Por isso, parar de comer pode até emagrecer na hora, mas com o tempo essa estratégia não é eficaz e pode tornar a continuidade do emagrecimento ainda mais difícil e se caso a dieta não for continuada o ganho de peso será muito maior e mais rápido.

Verdades:

A redução da quantidade de comida ingerida de forma gradativa e controlada emagrece: o ideal para um emagrecimento sadio e definitivo é reduzir o número de calorias ingeridas em cada refeição e aumentar o número de refeições para que o organismo não sinta falta das energias que precisa durante o dia.

O número ideal de ingestão de calorias diárias varia de pessoa para pessoa, dependendo das atividades que serão realizadas durante o dia. É necessário levar em consideração o tipo de esforço físico que a pessoa exerce no trabalho, estudo e lazer, por isso é extremamente importante sempre consultar um médico ou um nutricionista para saber qual é o ideal para você.

Sabendo a quantidade de calorias que você precisa ingerir por dia, é muito importante fazer uma redução dessas calorias de forma gradativa para que você (e seu corpo) se acostume aos poucos com a novidade, facilitando ainda mais o emagrecimento e tornando-o permanente, com poucos riscos de não funcionar ou fazer com que o emagrecimento seja revertido drasticamente caso a dieta seja interrompida.

O segredo é fazer uma REEDUCAÇÃO ALIMENTAR, trocando os alimentos gordurosos por aqueles com menor índice de calorias, inserindo alimentos funcionais no dia a dia, tomando mais água, trocando produtos “brancos” (refinados) pelos integrais e aumentando o número de refeições, diminuindo a quantidade de comida nas principais e consumindo alimentos com baixa caloria nos lanches intermediários.

IMPORTANTE:

Procure uma orientação profissional quando decidir fazer algum tipo de dieta mais radical.

A Relva Verde Produtos Naturais apóia a ideia de levar uma vida mais saudável oferecendo produtos naturais, integrais e funcionais para auxiliar na sua dieta de emagrecimento.

 

Leia Também

Vídeo: 15 Motivos Para Comer Barra De Cereal Sim, barrinhas nos ajudam a manter uma alimentação saudável! Veja várias razões para comer e aproveite os ótimos preços de barra de cereal. Os Motivos: 1 - É...
História de Superação e Saúde! Andrea emagreceu 60kg adotando um estilo de vida mais saudável e com a reeducação alimentar depois que fez uma cirurgia bariátrica. Sua vida mudou por completo! Veja o antes e depois da Andrea: ...
Qual a Melhor Atividade Física para a Sua Saúde? #1 Hoje em dia não é nenhuma novidade o quanto é importante para a nossa saúde colocar o corpo pra funcionar direitinho. Para isso é essencial praticar atividades físicas, mas quais são os reais benefícios e os tipos de atividades mais adequad...
Gostou? Então compartilhe este artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *